sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

27 semanas!

Quase quase no terceiro trimestre! Possas, que passa rápido!

Soluços já eu sentia muitas vezes, um batimento ritmado na barriga que dura apenas uns segundos, no máximo 1min. Continuas a adorar meter-te nas minhas costelas, cada vez mais, o que me assusta. Se já me magoas tanto agora com 20 e tal semanas, imagino nas 30 e tal... dás cabo da mãe ainda antes de saires pra me dar cabo do juízo. Mauzinho!!!
Noto cada vez mais que os teus movimentos são mais fortes mas em menos quantidade. De vez em quando lá danças um bocadinho, fazes as tuas raves, mas é só durante uns segundos e depois acalmas. Com os movimentos mais fortes já consigo distinguir o que está ali: se o teu pé (e no outro dia juro que quase o conseguia agarrar, de tão bem que se notava o contorno do teu pézinho contra a minha mão), se uma mão ou a tua cabeça (eu que pensava que os bebés não davam cabeçadas). Portanto esta semana continuas no teu melhor, mas a deixar-me assustada com tanta força e energia que tens.

Em relação a mim, ando exausta. Esgotada mesmo. Tenho dias em que por mais que caminhe, por mais tarefas domésticas que faça, não me sinto cansada. E depois aqueles dias horriveis, como hoje, em que o simples facto de me levantar do sofá para ir á casa de banho me deixa sem fôlego. Tenho de andar constantemente a respirar fundo, sempre com a sensação que me falta o ar. Tenho de falar nisso ao GO no dia 22, porque já anda a ser demais.
Dormir é um assunto complicado... de barriga para cima não consigo respirar, de barriga para baixo nem pensar (claro), deitada para o lado esquerdo dói-me o estômago (não sei porquê) e para o lado direito tu vais logo pôr os pézinhos nas minhas costelas e andas ali a brincar, ora dás pontapés nas costelas, ora contra o colchão. Portanto é missão quase impossivel, primeiro que adormeça é o cabo dos trabalhos.
Acordo muitas vezes com falta de ar, tenho mesmo de me levantar um pouquinho e respirar fundo, e nem me falem nas idas á casa de banho... que horror!! Pareço uma baleia a tentar sair da cama, tenho literalmente de rebolar, acho que para o fim é preciso uma grua pra me levantar.
As minhas mamocas coitadas tão a ficar todas assassinadas. É estrias por todo o lado... feias, gordas, escuras. Ranhosas! Na barriga ainda não tenho nenhuma (graças a todos os santinhos), tenho sim uma feiosa na anca que cada dia parece ficar pior, mesmo barrada com kilos de creme gordo. Dá-me comichão com'ó caraças, tenho de me roer toda pra não me coçar. 

Enfim, as delícias/dissabores de todas as grávidas nesta altura. E o "melhor é".... que vai piorar! :P

3 comentários:

Orquídea Branca disse...

ai o traquinas :P hihi

Pobre(o)Tanas disse...

Descansa o mais que possas! E por mais idas à wc por favor bebe água para teres liquido para o Tomás! Custa mas depois vais ver que quando o tiveres só fazes chichi 2 vezes por dia pois nem vontade tens! Se vires que ele te magoa tenta "apertá-lo" um bocado para mudar de posição. A Eva se me magoasse muito punha-me mais do lado em que ela estava e obrigava-a a sair dali. Foi a minha cunhada que me ensinou, pois o GO lho tinha dito!

Katy disse...

O Tomás comigo faz "braço de ferro", se eu me meto do lado em que ele está a magoar-me ainda magoa mais, empurra mesmo com muita força para eu mudar de posição! Já tem um feitio....