quinta-feira, 11 de abril de 2013

Avaliação da bacia - que treta

Não me conformo muito bem com aquilo da cesariana. Chamem-me parva, mas acho que me submeterem a uma cirurgia antes de saberem se os meus ossos conseguem abrir o suficiente é um disparate. Nas minhas pesquisas não consegui encontrar matéria suficiente para ficar a saber um pouco mais sobre isto, por isso decidi enviar uma mensagem á Humpar (Associação Portuguesa pela Humanização do Parto).
A resposta foi a que eu pensava:

"Boa tarde!
Este seu relato deixa-me mesmo incomodada. Gostava tanto de ouvir histórias diferentes em Portugal.
Baixa estatura é uma desculpa utilizada para realizar uma cesareana desnecessárea. Incompatibilidade feto-pélvica (desproporção entre a largura da pelvis e a cabeça do bebe) é um diagnóstico que só pode ser feito durante o parto, analisando o partograma.
Aconselho a ler este artigo de uma excelente obstetra brasileira, ativista pela humanizaçaõ do parto. http://estudamelania.blogspot.com.br/2012/08/indicacoes-reais-e-ficticias-de.html
aqui neste artigo pode também ler sobre a não eficácia das pelvimetrias, que deve ser o exame que o seu médico sugeriu que fizesse. http://www.elpartoesnuestro.es/informacion/desproporcion-cefalo-pelvica
Aconselho também a ver este pequeno video sobre a mobilidade da pelvis. Os nossos corpos são perfeitos e estão preparados para o nascimento. Se não nos forçarem a estar deitadas, as mulheres procuram a melhor posição para o parto, facilitando o movimento da pelvis necessáreo em cada momento do parto.
http://www.youtube.com/watch?v=n43FJxTjBuQ
Se não estiver satisfeita com o seu obstetra e de facto pretende ter um parto assistido por profissionais que se baseiem em evidências cientificas, aconselho-a a procurar outro profissional, ou mesmo uma doula que a possa ajudar a conhecer a fisiologia do parto e a ajudar a fazer as perguntas certas ao profissional de saude.
Gosto muito deste artigo publicado pela nossa associaçaõ congénere El Parto es Nuestro, sobre as respostas de alguns médicos que parece que são humanizados e não são:
http://www.elpartoesnuestro.es/blog/2011/08/24/el-nuevo-discurso-y-lo-que-hay-detras
Muitas felicidades nessa gravidez e parto! Continue a informar-se e a questionar o que lhe dizem. Informação é poder. E o seu bebé agradece o ter uma mãe que o possa trazer ao mundo em amor."



Visitei e li os sites que me indicaram, e a própria OMS (Organização Mundial de Saúde) concluíu que não se deve confiar nessas avaliações á bacia antes do parto, porque durante o trabalho de parto a coisa pode mudar e conseguir-se perfeitamente dar á luz um bebé saudável por parto vaginal.

O que me deixa indignada, porque sei que a cesariana me vai ser impingida a torto e a direito, e no primeiro minuto em que eu disser que quero experimentar parto vaginal e começar a questionar o que eles dizem, muito mal me vão falar. Porque os doutôres têm aquela mania estúpida que o resto da humanidade é ignorante e que não lhes podem dizer nada sobre o que eles dizem, senão ai jasus.

Portanto estou num dilema muito grande. Por um lado posso rebaixar-me completamente e só para não arranjar chatices nem discussões aceitar o que eles queiram fazer e calar a boca.
Por outro posso bater o pé baseada em conclusões ciêntificas e recusar a cesariana antes de tentar parto vaginal. Sei é que se no trabalho de parto ativo se confirmar então que o bebé não passa, me vão logo mandá-lo á cara. Mas posso conseguir.
E agora??

É nestas alturas em que eu penso "Porquê? Porque é que eu não fui para o hospital de Setúbal, onde são humanos o suficiente para não nos amarrarem a uma cama o tempo todo, para nos ouvirem e colaborarem conosco (e não nos obrigar a colaborar com eles), para nos ajudarem a ter um parto humanizado, o melhor parto possivel". Porquê?

10 comentários:

ádescávir disse...

Katy, não tenho conhecimentos nenhuns que te possa transmitir. Mas posso dizer que quem está grávida és TU, a decisão deve ser TUA!

Acho (é apenas o que eu possivelmente faria) que deves tentar ter parto normal se é isso que queres. Se depois não conseguires, aí sim, engoles o sapinho do orgulho e partes para a cesariana. Só é burro quem não tem capacidade para mudar de opinião.

Vais-me dizer que só mulheres altas podem ter partos normais? E (não querendo comparar, ahaha) os macacos? Aliás, as macacas. Também vão médicos à selva fazer-lhes cesarianas? É possível que os mmacaquinhos bebés sejam mais pequenos que um bebé, não faço ideia, mas dizem que descendemos dos macacos.

E antigamente? Quando não havia hospitais? Quando as crianças nasciam em casa? Ali só havia um buraco para sair e as crianças saiam!

Eu acho que a última palavra deve ser tua.

Pobre(o)Tanas disse...

Katy, acredita que eles não preferem fazer cesariana! E não só pelos custos como pelos riscos e ninguém te diz que te vão fazer uma cesariana! Não andes a gastar energias em coisas destas e a assustar-te ou enervar-te quando se calhar nem precisas de o fazer e provavelmente nem vais fazer porque se entrares em trabalho de parto normalmente vao tentar que paras por ti e se te tiverem que provocar vão tentar que paras por ti tb. Achas que se fossem assim TÃO a favor da cesariana por dá cá aquela palha no hospital de Évora que não ma tinham feito logo ao fim de 12h de ali estar aos berros? Por amor de Deus não te enerves com isto! Ninguém consegue ir para um parto com tudo esquematizado e seguir as regras ou vontades que deseja! Nem penses nisso. Dou-te outro exemplo, uma moça com quem falo queria parto na água, tudo bem preparou-se meses a fio. Quando chegou a hora H nem parto na água, nem parto normal e foi cesariana de urgência pela bolsa rota há mais de 36h! Tudo o que queria foi por água abaixo mas a saude do bebé estava primeiro! E é obvio que não vão mandar-te para cesariana sem experimentares primeiro se consegues por via normal! Já disse e volto a reiterar: nesse hospital não se fazem cesarianas por dá cá aquela palha! So em casos especificos como problemas de coluna ou por outros motivos que já vêm a ser analisados durante os meses de gravidez. Tira essa ideia da cabeça! De todas as mães que lá vi durante os dias que lá estive e olha que entre induções e internamento foi uma semana inteira se vi 3 ou 4 cesarianas foi muito! Berros ouvi com fartura para parirem naturalmente isso ouvi!

Neste momento tens e deves descansar a tua cabeça! Essa ansiedade toda só faz mal ao teu bebé! Deves ligar ao teu GO e expor tb esses teus medos!

E Évora não é um hospital assim tão mau! É só o segundo melhor em neonatologia... Tive razões de queixa pois tive pois não queria ter sofrido tanto para a ter mas olha ter filhos não é fácil. Esqueces as dores mas não é fácil!

Força minha querida e não penses muito nisso!

Beijocas e desculpa o testamento!

Mamã Apuros disse...

Mas vais ter o Tomás num hospital privado? Normalmente nos privados é que costumam ter essa filosofia. Fala com o teu médcico e diz que só queres cesariana em ultimo caso. De qualquer maneira ainda estás a tempo de ir para o hospital que quiseres. É só entrares em trabalho de parto :p

Katy disse...

Isto anda a deixar-me muito stressada, porque o médico afirmou que se nesse tal exame da bacia "virem" que a bacia é estreita nesse dia saio logo de lá com cesariana marcada. E eu não queria ir para uma cirurgia sem necessidade, quando nem sabem a capacidade do meu corpo. Todos somos diferentes, eu até posso ter a chamada bacia estreita e conseguir parir na perfeição.
Chateia-me que esquematizem tanto a coisa, que só por alguns padrões que até já deixaram de ser considerados na maioria dos países me impinjam uma cesariana desnecessária.

Mamã Apuros, o hospital é público, é o Espiríto Santo de Évora.

a mãe disse...

Infelizmente esse hospital e "conhecido" tambem pela quantidade de cesarianas que la sao feitas.... Nao consigo perceber esta cultura do parto cirurgico .... como a Humpar te disse e mto bem, é um disparate e impossivel "avaliarem te a bacia" para saber se podes ou nao ter parto vaginal (????????)
Disparate atras de disparate...
O filho é teu, o corpo é teu, o parto é teu, e a decisao é tua! Tens de ser respeitada na decisao que queiras tomar, decide em consciencia e com conhecimento, nao decidas por "medo" de "ralhetes" ou algo semelhante ...

OUco cada barbaridade que é de meter medo.... como é que hoje em dia em pleno sec XXI ainda se ouvem coisas destas...

Katy disse...

a mãe, infelizmente em Portugal ainda se acredita nisto. Estive a ver porque é que o começaram a fazer, e foi baseado no que os veterinários fazem ás vacas e ás éguas.. OMG!

ML disse...

Ainda vais muito a tempo de escolheres o hospital que preferes.

Calma. Quem está grávida és tu.

Confesso que se me viessem com essa da cesariana logo à partida que ficava como tu!

Força! Beijinhos grandes e muita felicidade

Katy disse...

ML, obrigada, é muito enervante isto tudo..

Beijinhos!

Vanilla disse...

Olha a minha GO na gravidez da Bia sempre me falou em cesariana, tambem dizia que eu era muito estreita e que ela não conseguia nascer de parto normal, depois foi por causa da placenta que era muito baixa e corriamos riscos, preocupou-me em vão a gravidez toda e no fim tive um parto normal, sem recurso a ventosas e forcepes. Só soube que ia ter parto normal uma semana antes dela nascer, para mim foi traumatico na altura, pois não estava preparada psicologicamente para isso, apesar de querer um parto normal, já estava mentalizada que ia ser cesariana. Por isso o medo tomou conta de mim, ainda bem que no dia que ela queria me provocar o parto não havia camas porque eu estava num misto de emoções e não estava preparada psicologicamente para nem uma nem outra opção.
Por isso quem decide és tu! E só tu. Tens uma gravidez normalissima, está tudo a correr bem, é só esperares que venha o dia que o Tomás quer nascer e deixar que o teu corpo faça o resto, se realmente não conseguires ter o tomas por parto normal, na altura serás devidamente aconselhada e encaminhada, mas não vale a pena pensar muito nisso. Vai tudo correr bem e tu saberás o que queres e o melhor para voces.

Katy disse...

Pois é exatamente isso Vanilla, preocupam uma pessoa sem razão! Ías ter uma cesariana sem necessidade nenhuma, conseguis-te perfeitamente ter a tua filha! É isso que me irrita, o nem tentarem!
Vamos ver o que eles dizem amanhã.. hoje nem durmo :(

Beijinhos!